• Livia Ribeiro

Programa AIMIRIM - Horta na escola E.E Comendador Alfredo Vianello Gregório.


No ano de 2016 tivemos o prazer de colocar em prática um grande sonho da Reconectta: realizar um projeto semestral de horta e sustentabilidade em uma escola pública, de forma gratuita para os participantes.

O primeiro desafio era conseguir custear o projeto. Tínhamos uma pequena verba em caixa destinada a projetos socioambientais mas que não seria suficiente para um projeto a longo prazo. Foi durante o processo de aceleração "Empreendedores da Mudança", realizado pelo Sense-Lab que resolvemos arriscar e lançar esse projeto em uma campanha de financiamento coletivo. Sabíamos que, assim como nós, muitas pessoas acreditam na transformação do ser humano através do contato com a natureza, e quem sabe, ficariam felizes de nos ajudar a colocar isso em prática.

Confiamos, e assim foi!

Tivemos 109 apoiadores e conseguimos grande parte do valor estimado para execução do projeto. A escola participante foi a Escola Estadual Comendador Alfredo Vianello Gregório, localizada no Jardim Vergueiro, zona sul de São Paulo, que atende mais de 900 alunos entre ensino fundamental, médio e educação de jovens e adultos.

Ao longo desses 4 meses realizamos formações com os educadores e coordenadores, curso de liderança sustentável com a direção, conversas com funcionários da escola além de encontros semanais com alunos do fundamental I, com o objetivo de integrar as ações e transformar um pequeno espaço que estava ocioso em uma horta escolar.

Os primeiros encontros que realizamos com os alunos foram repletos de descoberta, observação e mão na massa. Reconhecemos o terreno, e juntos conversamos sobre o planejamento das atividades, iniciamos a montagem da nossa composteira, capinamos, preparamos a terra e retiramos muito lixo que existia no terreno. Discutimos sobre como trabalhar o respeito e a cooperação durante nossas atividades na horta e também fora dela.

Alunos e professores se uniram para preparar os canteiros e plantar nossas primeiras mudas, que também foram fruto de doações. Tentamos plantar a maior diversidade possível de espécies de hortaliças, temperos, leguminosas, PANC's (plantas alimentícias não convencionais), e plantas medicinais. Aos poucos as pessoas foram se envolvendo, e o terreno antes abandonado virou um jardim comestível, cheio de vida, de cores, de sabores e de descobertas.

Aprendemos a trabalhar juntos, dividir responsabilidades, lidar com as frustrações, respeitar o tempo das estações a plantar e colher. Aprendemos também sobre a importância do solo vivo e da diversidade para o equilíbrio de todo o sistema.

Na nossa última atividade realizamos a colheita, degustação e celebração desse ciclo! Os alunos colheram as verduras e temperos que plantamos, e juntos, preparamos uma salada somente com coisas da horta e uma água aromatizada com hortelã! Muitos alunos experimentaram verduras cruas pela primeira vez alí, sentados no chão da nossa horta, e gostaram!

E através dessa vivência, nos reconectamos com a natureza e nos reconhecemos como parte dela... e ai começa uma grande transformação.

Agradecemos de coração a cada um que contribuiu para esse projeto acontecer.

“UM SONHO QUE SE SONHA SOZINHO É APENAS UM SONHO. UM SONHO QUE VOCÊ SONHA EM CONJUNTO É REALIDADE."

Veja aqui um vídeo que mostra um pouco do que aconteceu ao longo do projeto.

O projeto virou matéria no Instituto NET|Claro|Embratel

Nossa GRATIDÃO a todos os responsáveis e envolvidos para que esse projeto acontecesse!

Agradecimento especial ao Seu Geraldo, e todos os alunos, pais, funcionários, professores, coordenadores e direção da Escola Estadual Comendador Alfredo Vianello Gregório.

Apoio especial durante as atividades: Rodrigo Steinman e Raissa Zocoller Borba